O ovo devido à sua quantidade em colesterol (fornece aproxidamente 200mg), durante muitos anos foi visto como um alimento negativo e a causa para doenças cardiovasculares, fazendo com que o seu consumo diário fosse totalmente desaconselhado. Contudo, hoje em dia, o paradigma relativamente ao consumo de ovos tem vindo a mudar, deixando inclusive de ser alvo de restrição e passando a ser um aliado de doenças como, a diabetes, a obesidade, doenças cardiovasculares e a perda de memória.

 

O colesterol é proveniente do metabolismo das gorduras, circula no sangue e o seu aumento está mais ligado à genética, do que propriamente à dieta (esta contribui apenas 30% para este aumento). Os níveis do colesterol mau (LDL) no nosso organismo não estão diretamente relacionados com a ingestão de colesterol na nossa alimentação. O aumento dos valores do LDL estão, muito associados a estilos de vida sedentários e ao consumo de alimentos refinados, de gorduras saturadas e trans, que existem no leite gordo, na charcutaria, carnes vermelhas e na manteiga.

 

A gema do ovo contém substâncias (lecitinas) que impedem o aumento da produção de colesterol pelo nosso corpo, e pode inclusive, diminuir a absorção de colesterol no intestino, quando consumido juntamente com verduras e legumes.

 

Atualmente o ovo considerado um alimento saudável, completo, de boa digestão e com um elevado valor nutritivo. O seu principal nutriente é a proteína, que é fundamental para o bom funcionamento do organismo. Cada ovo de tamanho médio apresenta entre 70 a 80kcal e 5,83 gramas de proteína na clara e 8,4 gramas de proteína na gema.

A proteína do ovo é ainda considerada de alto valor biológico uma vez que tem na sua constituição, leucina, isoleucina, valina, histidina, lisina, metionina, fenilalanina, treonina e triptofano, ou seja, tem todos os aminoácidos essenciais.

 

COMPOSIÇÃO DO OVO:

Clara (+/- 57%): principalmente constituída por água e proteína;

Gema (+/- 31%): tem um maior valor calórico, sendo constituída por proteína, gordura e praticamente todas as vitaminas, exceto vitamina C.

Casca (+/- 12%): rica em carbonato de cálcio.

 

BENEFÍCIOS DO CONSUMO DE OVOS:

 

– Benéfico para a visão – Contêm vitamina A, que protege a visão e que faz parte da diferenciação celular e da regulação genética;

 

– Contribui para a construção de estruturas no nosso organismo – A proteína de Alto Valor Biológico contribui para a construção das diferentes estruturas do nosso organismo, fazendo também parte da produção de enzimas, hormonas e imunoproteínas, ligadas às nossas defesas.

 

– Protetor dos ossos e dentes – O fósforo disponível no ovo contribui para a formação dos ossos e dentes, intervindo também em diferentes reações químicas.

 

COMO CONSERVAR?

A melhor forma de te proteger contra a salmonelose é prevenindo as situações de risco. Por isso segue as dicas que te apresentamos:

– Utiliza embalagens de ovos novas: Não reutilizes as embalagens dos ovos, para evitar a contaminação de uns alimentos para outros;

– Conserva os ovos no frigorifico: Estes devem ser conservados no frigorifico, mas tem atenção para os deixar longe da porta, devido variações de temperatura que acontecem sempre que esta é aberta;

– Opta por ovos com bom aspeto exterior: O ovo deve ter a casca limpa e sem rachas. Caso tenha sujidade não o deves lavar, uma vez que o ovo possui uma membrana natural que o protege das bactérias;

– Prepara os ovos de forma segura: Quanto mais tempo os mantiveres ao lume, mais seguro será;

– Higieniza após manusear os ovos: Lava as mãos, os equipamentos, os utensílios e a área onde estiveste a trabalhar com água quente e detergente.

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *